Tarte Tatin


  • 1,2 kg maçãs Granny Smith (verdes)
  • 125 g manteiga (100g amolecida, 25 g derretida)
  • 100 g açúcar refinado
  • 250 g massa folhada laminada


  1. Abra a massa folhada e recorte um círculo cerca de 2 cm maior que o tamanho da forma que será usada (para esta receita, recomenda-se uma forma sem fundo removível, com cerca de 26 cm de diâmetro). Faça furinhos com um garfo na massa, enrole-a novamente e reserve na geladeira;
  2. Espalhe 100 g manteiga amolecida no fundo da uma forma. Polvilhe 50 g de açúcar sobre a camada de manteiga;
  3. Descasque as maçãs, corte-as em 4 e retire o miolo. Disponha as maçãs de forma ordenada na forma, preenchendo ao máximo todo o fundo da forma. Polvilhe com o restante do açúcar e regue com 25 g de manteiga derretida;
  4. Coloque a forma sobre fogo médio e deixe até que o açúcar comece a caramelizar (cerca de 20 minutos, até que ele fique um marrom pálido). À medida em que as maçãs cozinham, elas vão diminuindo. Você pode colocar mais maçãs para preencher os espaços que se formam;
  5. Retire a massa folhada da geladeira e cubra a forma com as maçãs. Empurre as bordas levemente para que caiam para dentro da forma e formem uma camada mais grossinha ao redor da torta;
  6. Leve a forno médio-alto (cerca de 200 ºC) até que a massa fique bem dourada, cerca de 20 minutos; Deixe amornar e desenforme. Se quiser, pode deixar esfriar na geladeira até o dia seguinte. Para desenformar, leve a forma diretamente sobre o fogo para derreter um pouco o caramelo e vire-a sobre um prato.

Postar um comentário

0 Comentários